• Redação UPES

Curitiba reúne 20 mil pessoas em Defesa da Educação

O 3° tsunami da educação, aconteceu nesta terça-feira (13) em todo o país. Chamado pela UNE (União Nacional dos Estudantes) e pela UBES ( União Brasileira de Estudantes Secundaristas), o ato reuniu estudantes e trabalhadores que lutam pelo direito a educação, aposentaria e emprego. No Paraná, o ato foi organizado pela UPES ( União Paranaense de Estudantes Secundaristas) e pela UPE (União Paranaense de Estudantes) juntamente com outros coletivos e reuniu estudantes secundaristas, universitários e trabalhadores, colocando 20 mil pessoas nas ruas.


Além dos cortes, os estudantes também se manifestaram contra a reforma da previdência e contra o projeto Future-se do Governo Federal. "Muitas instituições federais, tanto aqui do nosso Estado quando de outros lugares estão com seu semestre ameaçado devido aos cortes do MEC, além disso esse projeto Future-se nos deixa com receio sobre o futuro do financiamento das universidades, se serão os estudantes ou o Estado quem vai bancar", comentou Wellington Tiago, presidente da UPES.


As manifestações aconteceram em todas as regiões do Paraná. "Mesmo com muito frio as pessoas vieram pra manifestação e mais uma vez nossa cidade se demonstrou firme na luta pela educação " comentou o estudante Thales da UTFPR - Campus Pato Branco, uma das 16 cidades por onde o Tsunami da Educação passou. Na capital o ato terminou na Boca Maldita por volta das 21:30, onde os estudantes foram convocados pra participar do próximo Tsunami da Educação chamado novamente pelas entidades estudantis e que acontecerá no dia 7 de Setembro.



(Foto: Leonardo Costa/UPES)

© 2023 por União Paranaense dos Estudantes Secundaristas 

Desenvolvido por PLAY comunicação

Sede Administrativa:

Palácio dos Estudantes

Rua João Manoel, 142, 

São Francisco - Curitiba-PR